Análise criteriosa acerca das inserções dos candidatos!

14/07/2017 às 00h07

Abaixo vamos conferir uma análise criteriosa do jornalista Márcio Noronha, Chefe da Casa Civil da gestão passada do tucano Arthur. E confidencio aos meus seguidores que foi através da leitura do colega que senti vontade de acompanhar, a partir de então, os candidatos ao Governo do Estado com suas propagandas eleitorais. Tais inserções - de 30 segundos - estão sendo veículadas na tv aberta desde a segunda-feira. 

Fotos: Divulgação / Internet 

Por Márcio Noronha

" Amazonino Mendes - Um pouco cansado no vídeo, principalmente sua voz. Aparentemente, a suspensão da campanha quebrou o entusiasmo que ele apresentava nos primeiros materiais divulgados nas redes sociais quando parecia muito mais remoçado e com energia. Nada que uma fonoaudióloga não dê jeito. O discurso dele é bastante emotivo e apelativo (marca registrada de Marcos Martinelli), buscando resgatar o capital afetivo que o “Negão" tem/teve nas gerações de eleitores acima dos 40 anos. A população, principalmente a mais carente, se sente órfã de um “paizão”, mas nesses tempos de lava-jato e antipatia a políticos não é o bastante, busca-se propostas concretas e factíveis. Numa segunda inserção que entrou no ar nesta quarta, Amazonino, sentado, fala com a câmera e promete gerar emprego para os jovens, a que ele chama de “mais atingidos pela crise econômica”. Este dado aparece em todas as pesquisas internas como um dos maiores problemas do Estado, acompanhado de saúde pública e segurança.  

Eduardo Braga - O programa tecnicamente mais acertado e inovador apresentado até o momento. Claramente, colocar Eduardo e Marcelo Ramos caminhando em velocidade e lugares diferentes, passa um recado de dinamismo, energia e força para quem assiste. Com o maior número de inserções, esse discurso tende a se sedimentar. É o que a chapa precisa para superar a má aceitação da aliança. Eduardo fala mais pausadamente, passando imagem de experiência e serenidade. Marcelo tem tom mais agitado, reforçando sua juventude. Os temos “união de forças” e “tem jeito” são usados a exaustão. Ponto para o marqueteiro Chico Mendes que conseguiu driblar as marcas negativas (rispidez na fala e tons que beiram a arrogância) de Braga e Marcelo Ramos no vídeo. 

Rebecca Garcia - Apostou na segurança. Gravou com imagens amazônicas no fundo e mostrou seu curriculo como gestora nos setores privados e público. Ela tem o melhor equilíbrio entre imagem na TV/histórico político tornando-se um produto fácil de se trabalhar. Não há inovação técnica, mas também não deixa a desejar. Ainda não tem a marca do seu marqueteiro, Sabá Noronha, conhecido por fazer as campanhas carregadas de sátiras e piadas de Henrique Oliveira. Falou muito sobre sua família, desde a chegada dos avós à Manaus vindos da Espanha no começo do século passado. 

José Ricardo - Apesar de esconder as cores e marcas do Partido dos Trabalhadores, a inserção tem o DNA das produções petistas. Aposta em cores como azul e branco, fugindo do tradicional vermelho. O número 13 aparece apenas no final da propaganda, durante menos de cinco segundos. Parece ser proposital e não uma falha técnica. Não compromete o conceito, mas pode não atrair a grande massa que ainda torce por Lula, Dilma e Cia. Por sua vez, pode ser uma decisão acertada devido a divulgação da condenação de Lula pelo juiz Sérgio Moro. 

Luis Castro - Focado em propostas ainda sem profundidade e no resultado do trabalho parlamentar do deputado estadual, o programa é tecnicamente pobre, principalmente na iluminação e no range de cores.  

Marcelo Serafim e Wilker Barreto apresentam inserções falando sobre suas famílias. O primeiro claramente quer resgatar o capital político do pai, que foi prefeito da cidade e teve dois grandes embates eleitorais contra Amazonino Mendes. O segundo busca criar algum recall para tentar deixar de ser nanico na eleição para deputado estadual em 2017. " 

E você já conferiu essas inserções? O que achou desta análise? Confesso que ainda não tive como ver, mas vou ser mais atenta e vou procurar assistir de todos os candidatos para poder expor a minha opinião também.
 
Beijos, boa sexta e até amanhã neste mesmo horário <3
Obrigada Márcio por me deixar reblogar o seu texto (eu sou assim, quando curto algo ~automáticamente~ já penso em compartilhar com nossos leitores!). 
 
kiss
Vivi Cariolano (92) 99446-2672